Textos

Ano Novo

Nesse ano que vem novo
Quero novas chances
Quero o brilhar de novo
Das estrelas fora do alcance.

Das poeiras de um dia veranil
Do vento bater na bruma leve
De novo o povo soltar fogo no Rio
Num soar de promessas de neve.

Joga- se ao ar novas fagulhas
Nesse vindouro ano de esperança
Faça delas mas minhas e suas.

E olho pro excelso e sua bonança
Ao encontro de nossa andança
Encontre a fé, essa que não cansa!

 
Eduardo de Melo
Enviado por Eduardo de Melo em 01/01/2019
Alterado em 01/01/2019
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários